quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Lindomar Castilho um dos maiores sucessos da década de 70, faz hoje 70anos

Contra capa de um de seus discos de maiores sucessos.
Lindomar Castilho (nascido em 21 de janeiro de 1940, Rio Verde, GO) é cantor e instrumentista, sendo mais conhecido pela música-baião "Chamarada", pelos bem-humorados boleros "Você é doida demais" e "Eu amo a sua mãe" e também pelo samba-canção bem lírico Tudo tem a Ver.
Seu último CD, Lindomar Castilho ao Vivo foi lançado pela Sony Music em 2000 no auge do fenômeno musical forró.
Lindomar também ficou conhecido pelo fato de ter assassinado a segunda esposa ( a primeira e mais amada faleceu em um acidente de trânsito), Eliana de Gramond, ao encontrá-la com o amante. Ficou anos na cadeia como decorrência disso. Enquanto estava preso gravou um disco com o título "muralhas da solidão" na penintenciária goiana.
Lindomar construiu uma carreira de sucesso com os seus boleros e samba-canções românticos. Um dos maiores vendedores de disco no Brasil da década de 70. Seu estilo influenciou toda uma geração de cantores. Seus discos eram lançados simultaneamente aqui e nos Estados Unidos.

Um comentário:

Raquel disse...

LINDOMAR CASTILIO minha mae Adelia manda dzr... q VC e uma das melhores vozes do Brasil...sou sua fa... ela te adoru mtoooo... ela adora principalment a musica ''santa maria do Brasi'' ass:Raquel do Parana... bjsss